7 dias em Itália

Um passeio de 7 dias em Itália, com paragem em Florença, Milão, Cinque Terre, Pisa e Como!

Alô Alô, daqui é a Tina. Cheguei de Itália a semana passada e hoje partilho com vocês a minha viagem. Visitei Roma em 2014 com as minhas irmãs e ficámos completamente rendidas à cidade, na esperança de voltar um dia.

Em janeiro eu e o meu namorado começámos a planear as nossas férias deste ano, que normalmente acontecem sempre nesta altura, entre junho e setembro. Ponderámos vários destinos na Europa que queremos muito conhecer, e escolhemos Florença. Estava super entusiasmada! Toda a gente que conheço que já visitou a cidade só me falou bem e, alguns deles, até referiram que era dos sítios mais bonitos onde já tinham estado.

Ao planear a viagem com mais detalhe, e como sabíamos que queríamos ir uma semana, decidimos não só visitar Florença, mas também conhecer outras cidades, nomeadamente Milão, Cinque Terre, Pisa e Como.

Ponte Vecchio
Ponte Vecchio

Voámos para Milão- Bergamo numa terça feira e, de lá, apanhamos um transfer direto para a Estação Central de Milão. Tem a duração de cerca de uma hora. Daqui entramos num comboio com destino a Florença.

Dica: Compra os bilhetes de comboio com antecedência e online. Decidimos comprar os bilhetes na hora e o preço aumentou para o dobro do valor que tínhamos visto online dias antes. Por isso, se há viagens que tens a certeza que vais fazer como, no nosso caso, Milão – Florença, o meu conselho é mesmo comprar os bilhetes antes.

A viagem demorou cerca de duas horas. Atravessámos a cidade com as malas, rumo ao apartamento que arrendámos pelo Airbnb, onde passámos as primeiras 5 noites. Já há algum tempo que temos optado por este tipo de alojamento e, até agora, só posso referir boas experiências. O apartamento ficava bem no centro de Florença, junto à Basílica Santa Croce. A única desvantagem era o tamanho. Era muito pequeno, aliás, acho que nunca tinha entrado num apartamento tão pequenino, mas o que mais nos interessava era mesmo a localização.

7 dias em Itália 7 dias em Itália

Aproveitamos o resto do dia para conhecer toda a cidade a pé e ficar com um cheirinho do que nos esperava os dias seguintes. O centro de Florença não é grande, dá para fazer tudo a pé, o que é ótimo, pelo menos para nós que vamos sempre com vontade e força para caminhar muitos quilómetros!

É impossível não ficar encantado com a magia desta cidade. Todas as praças, as ruas estreitas, as pontes, a comida, e a riqueza dos monumentos e dos museus, formam uma cidade única e muito especial.

7 dias em Itália
Tagliatelle com legumes salteados
7 dias em Itália 6
Pizza Marinara com azeitonas e alcaparras
7 dias em Itália 7
Cheesecake de Morango

Como ficámos quatro dias em Florença, e um dos nossos objetivos era visitar os principais museus e basílicas, comprámos o Firenze Card. Basicamente é um cartão turístico de Florença que dá acesso aos principais museus da cidade. É válido por 72 horas, dá acesso a 72 museus e tem um custo de 85€. Para quem aprecia visitar museus e tem esse objetivo durante a viagem, considero que o Firenze Card se justifica. As filas para entrar nos museus principais são muito extensas nesta altura do ano e o cartão dá entrada direta, evitando longos tempos de espera debaixo de quase 40ºC.

Bem, Florença é uma cidade que tem mesmo muito que ver! Alguns dos locais que visitámos foi a Galleria degli Uffizi, verdadeiramente surpreendente – todo o edifício é uma obra de arte, o Palazzo Pitti, enorme e lindíssimo, a igreja Santa Maria Novella, o Palazzo Vecchio, a Galleria dell’Accademia e o Museo del Bargello.

7 dias em Itália7 dias em Itália

Tal como me foi recomendado, sugiro a passagem pela Ponte Vecchio ao final do dia. Esta ponte é muito particular e foi das imagens que mais gostei da cidade. Toda ela é percorrida por lojinhas, sobretudo ourivesarias. Muito muito bonito.

7 dias em Itália 9
Ponte Vecchio

Ao passar a ponte, aproveitem para dar um saltinho na Piazzale Michelangelo. Confesso que ao final do dia custa muito fazer a subida para chegar a esta praça, o corpo já pede descanso, mas todo o esforço vale a pena. A paisagem sobre a cidade é de cortar a respiração.

7 dias em Itália 10
Vista da Piazzale Michelangelo

Para quem gosta de comer e beber, recomendo que passem no All’Antico Vinaio. Tem uma variedade grande de Paninis e tem inclusive um vegetariano. São enormes, deliciosos e o meu só custou 5€.

Eu não dispenso um bom cocktail ao final do dia e foi em Florença que descobri os Spritz. Lá toda a gente bebe esta bebida, por isso, passem pelo daFlorence e já sabem, peçam um Spritz ou outra bebida que gostem!

7 dias em Itália 11
Panini Vegetariano no All’Antico Vinaio

7 dias em Itália7 dias em Itália

Logo quando planeamos a viagem eu disse “quero ir a Cinque Terre!”. Assim foi. No sábado, bem cedinho, ainda não eram 8h, entramos no comboio rumo à costa. A meio da viagem saímos na estação Pisa Centrale. Tinha curiosidade de ir a Pisa e, se ficava a caminho, porque não dar lá um saltinho?

15 minutos a andar desde a estação até à Piazza dei Miracoli, local onde se situam os três grandes monumentos religiosos mais importantes da cidade. Demos umas voltinhas ao jardim, parámos numa pastelaria para comer uns bolinhos vegan e ganhamos força para continuar viagem.

7 dias em Itália 13 7 dias em Itália 14

Ao chegar a Cinque Terre compramos um bilhete de 1 dia para visitar as 5 praias. Este cartão custa 16€ e passa por todas as praias de 30 em 30 minutos, o que achei uma muito boa opção para quem quer conhecer Cinque Terre.

7 dias em Itália7 dias em Itália

Bem, sobre esta zona só posso dizer que ia com expetativas muito elevadas e que quando lá cheguei todas essas expetativas foram superadas. Esta zona é linda, linda, linda! Todas as casinhas pintadas de cores diferentes sobre as encostas, os barquinhos estacionados à entrada da água e aquele mar com vários tons de azul e verde, tornam as vilas muito acolhedoras e com uma beleza particular. O único aspeto menos positivo que me saltou à vista, para além da enchente de turistas, foi o preço dos restaurantes, embora que, numa zona como esta e com a vista sobre o mar, é previsível que seja elevado.

7 dias em Itália7 dias em Itália

A Itália é um país muito veggie friendly. Um vegetariano ou uma pessoa que pratique uma alimentação 100% vegetal, facilmente encontra opções, tanto em supermercados, como em restaurantes e até em pastelarias. O que mais me surpreendeu não foi a quantidade de oferta em Florença, pois de cidades grandes isso já começa a ser esperado. O que de facto me deixou surpreendida foi a boa recetividade de alguns restaurantes “de praia” em Cinque Terre. Muitos deles apresentam opções vegans no menu, o que ainda não é muito comum, uma vez que são restaurantes praticamente à base de peixe.

Domingo deixamos Florença e fomos de comboio até Milão. Deixamos as malas na segunda casa, também esta reservada pelo Airbnb, onde passámos as últimas duas noites.

7 dias em Itália

Como ficámos pouco tempo em Milão, aproveitamos para conhecer a cidade a pé. Ainda tivemos tempo para uma visita ao Duomo de Milão. Compramos bilhete no local e, por isso, esperamos cerca de 20 minutos na fila, mas que valeram a pena. A catedral é enorme e muito bonita.

Ainda passámos pela Galeria Vittorio Emanuele II, que é um edifício lindíssimo, mas onde nos deparamos com uma realidade muito diferente, que me deixou a pensar. (Não vou refletir sobre isto agora que o post já vai longo!).

7 dias em Itália7 dias em Itália

Foi em Milão que comi uma pizza vegan feita com base de quinoa. Só de pensar na comida já dá vontade de voltar para Itália. E os tomates? Super doces, de outro mundo. Já para não falar nos gelados!! Realmente, quando a comida é boa, não há melhores memórias.

7 dias em Itália

Na segunda feira fomos até ao nosso último destino, Como. Tinha muito boas referências deste sítio e tanto eu como o meu namorado queríamos muito conhecer, apesar de que um dia nunca chega para fazer tudo aquilo que queremos. Fiquei com muito boa impressão da cidade. Uma cidade calma, agradável, com poucos turistas e esplanadas lindas repletas de flores de cores vivas. Passámos num supermercado, compramos uma salada de espelta com legumes e ficamos no parque à beira do lago a comer. A paisagem para o lago é maravilhosa. Melhor do que esperava.

7 dias em Itália 7 dias em Itália

Compramos um bilhete para um passeio de barco pelo lago, com a duração de 1 hora e custo de 8€, que permitia sair e voltar a entrar em cada uma das paragens. Recomendo muito, todo o passeio é lindo e permite conhecer zonas que, sem ser de barco, o acesso é complicado.

7 dias em Itália 7 dias em Itália

7 dias em Itália

E pronto, voltamos de comboio para Milão, onde passamos a última noite para, no dia seguinte, apanhar o transfer para o aeroporto de Milão – Bergano e voltar para casa.

Se quiserem saber mais detalhes específicos como, por exemplo, as casas onde ficamos, preços por noite, ou outra curiosidade que se lembrarem, podem deixar nos comentários! Bem, e eu já só estou com vontade de começar a planear a próxima…

 

Artigo Relacionado: 5 dias em Barcelona

Print Friendly, PDF & Email